Qual é o maior órgão sensorial?

O nariz Ou talvez as orelhas? Não, claro que é a pele. A pele é o maior órgão sensorial do homem! É uma camada impermeável, forte e acolchoada que protege contra os efeitos do calor, frio, sol e germes. Um casaco de proteção que precisa de cuidados suficientes de dentro e de fora!

Todo mundo tem seu próprio padrão de arcos, arcos ou turbilhões. A pele indica a idade de uma pessoa, se ele se sente bem ou está doente. Quando você está com raiva, fica vermelho, quando está terrivelmente pálido. Descoloração da pele geralmente são sinais de doença.

A pele é um órgão multi-camadas

  • A epiderme
  • A derme
  • O tecido subcutâneo

A epiderme é tão fina quanto uma folha de papel. Protege o organismo contra ferimentos, desidratação e entrada de patógenos. Consiste em cobrir o tecido, que mostra claramente uma estrutura em duas camadas: Na camada germinal inferior, novas células são formadas continuamente, as quais são forçadas para fora pelas células subseqüentes na camada córnea, queratinato, morrem e abschilfern. Desta forma, a nossa pele renova despercebida uma vez por mês.

A epiderme está interligada com a derme espessa. Nele estão músculos e vasos sanguíneos finos, numerosos órgãos sensoriais, glândulas roídas que produzem suor. Outras glândulas produzem sebo e estão localizadas perto das raízes do cabelo. O sebo lubrifica o cabelo e a pele, deixando a pele flexível.

O tecido subcutâneo é o mais espesso das três camadas. Contém tecido adiposo. Isso age como uma proteção contra pressão e choque. Também serve como isolamento térmico e reduz a perda de calor do corpo. Além disso, essa gordura é uma reserva de nutrientes.

A pele tem uma dupla tarefa

Por um lado, atua como uma capa protetora para o corpo, protege contra a desidratação, resfriamento e penetração de bactérias, absorve a pressão e o choque. Por outro lado, estabelece a conexão com o mundo exterior através de minúsculos órgãos sensoriais que transmitem sensações de pressão, dor e temperatura.

Compartilhe com amigos

Deixe seu comentário