12 regras de ouro para tratamento de burnout

Reconheça - não culpe - mude! Existem algumas regras importantes de auto-terapia para uma síndrome de burnout emergente ou real. Quando a vontade de provar a si mesmo, o vazio interior, ou mesmo o sentimento de não sair de uma situação perdida por si só, resulta em uma síndrome de burnout. Para mudar essa motivação mórbida, existem 12 regras de ouro de auto-terapia que ensinam os pacientes a ver a vida de maneira diferente e reconhecer seus erros - sem serem culpados por isso.

12 dicas contra o burnout

Dr. Vinzenz Mansmann, especialista anti-stress de longa data, descreve 12 regras de ouro para prevenir o burnout e automedicar:

  1. A negação é tabu. Confie na inteligência do seu corpo. Admita o estresse e as restrições que se manifestaram fisicamente, mentalmente ou emocionalmente.
  2. Mude as condições de vida. Se o seu trabalho, relacionamentos, situação ou pessoa o deixarem infeliz, tente mudar as circunstâncias ou vá embora, se necessário.
  3. Evite o envolvimento excessivo. Escolha as áreas ou aspectos em que você está mais envolvido e trabalhe para uma "redução de pressão".
  4. Evite o isolamento. Não faça tudo sozinho! Faça ou renove relacionamentos próximos com amigos e pessoas que sejam bons para você.
  5. Pare de excesso de cuidado. Se você habitualmente alivia os outros de seus problemas e responsabilidades, aprenda a se abster educadamente de fazê-lo. Tente ter certeza de que você também é tratado com carinho.
  6. Chute mais curto. Aprenda a delegar, não apenas no local de trabalho, mas também em casa e entre amigos.
  7. Valores mudam. Tente separar os valores significativos do transitório e vacilante - o importante do sem importância. Você economiza tempo e energia.
  8. A coragem para "não". Você reduz seu uso excessivo quando se levanta por si mesmo. Isso significa rejeitar reivindicações ou reclamações adicionais ao seu tempo ou sentimentos.
  9. Ritmo pessoal. Tente viver equilibrado. Eles só têm uma quantidade limitada de energia. Determine o que você quer e precisa em sua vida e tente equilibrar o trabalho com diversão e relaxamento.
  10. Corpo de atenção! Não perca refeições, não se atormente com dietas rigorosas, ceda à sua necessidade de sono, faça consultas médicas. Cuide de uma dieta saudável.
  11. Lidando com preocupações e medos. Limite as preocupações que não possuem uma base sólida ao mínimo. Você obtém uma melhor compreensão da sua situação quando passa menos tempo pensando e, em vez disso, passa mais tempo cuidando das suas reais necessidades.
  12. Mantenha seu senso de humor. O riso é o melhor remédio para o esgotamento. Inspire e expire 3 vezes ao dia e sorria suavemente ao expirar.

Procure ajuda profissional com burnout

Se você se sentir como se estivesse indo para o esgotamento e você é incapaz de quebrar o ciclo vicioso em seu próprio país, não hesite em procurar ajuda profissional.

Compartilhe com amigos

Deixe seu comentário